Após ataque com morte na ZL, moradores fecham Marginal Tietê

Cerca de cinquenta pessoas realizam uma manifestação desde às 17h na região de Aricanduva, Zona Leste de São Paulo. Diversas barricadas de fogo foram montadas, inclusive com o fechamento da Marginal Tietê, na altura da Ponte Condessa de Robiano. O ato seria um protesto após o assassinato de um homem.

Por conta do fechamento das vias, policiais militares da Força-Tática e da Rocam foram enviados até o local e por volta das 18h, entraram em confronto com os manifestantes. Bombas de gás lacrimogêneo e balas de borracha foram disparadas. Os moradores revidaram com pedras, paus e ainda incendiaram um automóvel.

Ataque com morte

Por volta das 3h30 deste sábado, 11, cinco pessoas foram baleadas no bairro. Os jovens estariam juntos, na Rua Hely Lopes Meirelles, nas proximidades da Favela do Pau Queimado, quando ocupante de uma moto teria disparado contra as vítimas. Alan Francisco de Oliveira, de 20 anos, morreu logo que deu entrada no Pronto-Socorro do Tatuapé.

Uma outra vítima, de 19 anos, que não teve a identidade revelada, foi atingido por disparos na perna e na nádega. Encaminhado ao PS Vila Maria, passa bem. Uma mulher, de 27 anos, foi levada ao Hospital José Storopolli, e dois homens, para o Hospital Waldomiro de Paula, em Itaquera. Não há informação sobre seus estados de saúde.

O casos foi registrado no 10º DP (Penha)

Leia mais!

Jpeg

Aloxidil e minoxidil o resultado para uma barba perfeita

Cada vez mais na moda e mais usual entre os homens, ter uma barba perfeita …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *