Grevistas dizem que encerram paralisação à meia-noite em SP

A greve de ônibus que atinge a cidade de São Paulo desde às 11h da última terça-feira, 20, deve se prolongar na noite desta quarta-feira, 21. Após encontro na sede do Ministério do Trabalho Emprego (MTE), ficou acertado que a paralisação se encerra à meia noite desta quinta-feira, 22, porém, mediante a um prévio acerto de uma reunião às 10h com o prefeito Fernando Haddad (PT). O Tribunal Regional do Trabalho (TRT), em decisão nesta noite, determina que 75% da frota volte a circular pela cidade.

Em encontro na sede do MTE, no Centro, que durou cerca de três horas, e contou com representantes da Secretaria Regional do Trabalho, dos diretores do Sindicato dos Motoristas de São Paulo, profissionais em greve e técnicos da SPTrans, além de representantes patronais, não chegou a um denominador comum. Segundo Luiz Medeiros, superintendente regional do trabalho, o sistema patronal se recusou a reabrir as negociações. “Foi absolutamente intransigente. Parece que não pensa na cidade de São Paulo”, disse.

Ainda de acordo com Medeiros, a proposta é uma comissão do MTE, junto ao sindicato e a comissão de mobilização ir, às 10h de quinta-feira, pedir que o prefeito Fernando Haddad (PT) interceda para que os empresários aceitem uma nova negociação. ” A cidade de São Paulo não merece que as pessoas não conversem. Há solução”, finalizou.

salvar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *