MedioTec 2017 – Conheça detalhes do programa

O MedioTec é uma das principais ações relacionadas à educação por parte do Governo Federal. Esse programa surge como uma espécie de extensão do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec). A ideia inicial é que o MedioTec traga uma formação profissional e técnica de maneira integrada aos ensinos básicos já passados no ensino médio, tudo isso em tempo integral.

A intenção do Governo é que o programa consiga oferecer um total de 82 mil vagas neste ano em todo o Brasil, segundo o próprio Ministro da Educação e o atual presidente Michel Temer. O MedioTec inscrições, nesse caso, surge como uma tentativa de acelerar o processo de mudanças que já está acontecendo na Medida Provisória 746/2016 – medida que tem a intenção de reformar o ensino como um todo, principalmente em nível médio. A formação integrada, neste caso, surge como uma tentativa de criar uma dupla certificação exclusiva para jovens alunos do ensino médio em uma integração com o Pronatec.

Detalhes do programa

Ao que tudo indica, farão parte dessa integração instituições privadas, institutos federais e o Sistema S. São essas instituições que fornecerão chances em áreas de carência escolar, principalmente. Esse é um dos principais focos para vagas ofertadas através do MedioTec. Essas – chamadas áreas de carência escolar – são regiões onde faltam escolas com estrutura mínima necessária para um ensino de qualidade. Todas as regiões serão vistas com um olhar diferenciado por parte do Governo.

Já nesse ano, algumas regiões do Nordeste do país e do estado do Rio de Janeiro estão sendo beneficiadas e recebendo investimentos.

mediotecSaiba mais sobre o MedioTec

A proposta do MedioTec também tem relação com o tempo de duração. A ideia é que o programa funcione não apenas em curto, mas também em longo prazo. É possível perceber isso através da divulgação do Ministério da Educação que informou que pretende investir aproximadamente R$ 1,5 bilhão nos próximos dois anos para um número que equivale a 500 mil novos estudantes que devem testar essa nova forma de ensino médio.

Vão ser cursos na modalidade de técnico de nível médio concomitante. Ou seja, todos os interessados em estudar através do MedioTec devem primeiro terminar os estudos de ensino fundamental. Aí sim será possível inscrever-se no ensino médio em tempo integral.

Com isso, a ideia é que a jornada de aulas aumente consideravelmente para um total de oito horas/dia, em média. Isso ajudará os alunos que farão disciplinas consideradas obrigatórias no ensino médio e garantam, simultaneamente, uma formação técnica profissionalizante.

Leia mais!

Renato Aragão morreu? Post sobre Didi no Facebook é falso

Usuários das redes sociais, principalmente do Facebook, tem compartilhado uma imagem sobre a suposta morte …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *