Michel Temer nega crise política e desmente afirmação de Eduardo Cunha

O vice-presidente da República, Michel Temer, concedeu entrevista coletiva nesta segunda-feira (6), negando uma crise política brasileira e afirmando que a relação com Dilma Rousseff ainda é muito boa. Questionado sobre as afirmações de Eduardo Cunha, colega de Temer no PMDB, o político disse que não está sendo sabotado e que seus colegas de partido não agirão em prol de um impedimento contra a presidente.

“Não temos crise política, porque significaria o fato de o governo não ter apoio do Congresso Nacional”, disse Temer

Foto: Reprodução NBR
Foto: Reprodução NBR

Questionado sobre o posicionamento de Cunha e Renan Calheiros, Michel afirmou:

“eu não creio que eles estejam dispostos a isso, eles são responsáveis por um setor importantíssimo do país. Acho que há uma harmonia. Eu penso que os presidentes da câmara e do senado tem uma postura política muito adequada às instituições democráticas, não levariam adiante essa hipótese”, concluiu o vice-presidente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *