Professor da UFMT é o primeiro brasileiro finalista do Nobel da Educação

Prêmio oferecido pela Fundação Varkey visa valorizar trabalhos que tenham relevância social em suas regiões

Engenheiro químico e doutorando em Engenharia Mecânica, o professor Marcio de Andrade Batista, da UFMT (Universidade Federal de Mato Grosso) Campus Araguaia, é o primeiro brasileiro a ser finalista no prêmio Global teacher Prize, considerado o Prêmio Nobel do segmento de educação.

São 29 países representados entre os 50 finalistas. A indicação do professor brasileiro é por um projeto realizado em escolas públicas de ensino médio, em que orienta iniciativas científicas dos estudantes. O resultado será anunciado em Dubai, no mês de março. O vencedor, além de todo prestígio, ganhará um milhão de dólares.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O trabalho de Marcio com os jovens já rendeu um terceiro lugar no Prêmio Jovem Cientista, em 2012, com a estudante Bianca Valeguzki de Oliveira. Ambos foram recebidos pela presidente Dilma Rousseff na cerimônia oficial do evento.

Leia mais!

ceara-silvio

Vídeo: com dois anos, filha de Ceará já imita Sílvio Santos

Com apenas dois anos, Valentina, filha do humorista Ceará, já é ensinada pelo pai a …

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *