Terremoto na China deixa mais de 360 mortos

Neste domingo (03) um terremoto na província chinesa de Yunnan, sudeste do país deixou mais de 360 pessoas mortas até agora, o terremoto foi de magnitude 6,1 chegou a ser notado em outras províncias vizinhas.

O tremor ocorreu por volta das 5h30 no horário de Brasília, a TV estatal chinesa Xinhua divulgou imagens dos moradores aterrorizados tentando resgatar pessoas sob os escombros de casas, prédios e escolas, a comunicação com a região foi seriamente danificada, o que atrasou a chegada de ajuda.

Terremoto deixa mais de 2 mil vítimas

Os resgates começaram a ser realizado primeiramente pelos moradores, até o momento dessa matéria haviam 367 mortos, mais 1400 feridos e 181 desaparecidos, somente no distrito de Ludian foram 120 mortes, segundo informações da agência chinesa Xinhua.

O governo chinês enviou 2500 soldados para ajudarem os mais de 300 policiais e bombeiros nos resgates, foram enviados também 2 mil barracas, 3 mil macas, 3 mil cobertores e 3 mil casacos.

As províncias de Yunnan, Guizhou e Sichuan estão localizadas sobre as placa tectônicas Euroasiática e da Índia, uma região muito propicia a terremotos.

Os últimos desastres que ocorreram na mesma região em 1974 um terremoto de 6,8 graus com 1500 mortos, em 2008 um terremoto avassalador de 8 graus com mais de 87 mil mortos, em 2012 dois terremotos de magnitude menores deixaram 80 mortos.

Vídeo do momento em que começou o terremoto

terremoto_china

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *