Início Notícias Grupo de manifestantes tenta invadir prefeitura, quebra vidraças e agride GCMs

Grupo de manifestantes tenta invadir prefeitura, quebra vidraças e agride GCMs

Por volta das 16h, segundo funcionários da Prefeitura de São Paulo, eles foram liberados para irem para casa, com determinação da chefia. Meia hora depois, outros agentes começaram a implantar gradis na frente da sede do maior órgão da cidade. A medida seria uma proteção para impedir possíveis invasões ao prédio. Poucos Guardas  Municipais, cerca de 20 estavam na porta. Armados apenas de cassetetes, escudos e spray de pimenta, sofreram para conter o avanço de alguns vândalos. Por volta das 19h, várias vidraças foram quebradas, portas danificas e gradis usados como armas, além de fogos de artifícios atirados na frente do protão principal. Um manifestando usando máscara e com camisa branca, parecia ensandecido com a quebradeira. As paredes e muros da sede da prefeitura foram pichados e bandeiras do Estado de São Paulo e do município foram arrancadas dos mastros e danificadas. Policiais Militares, que são comandados pelo governo do Estado, gerido por Geraldo Alckmin (PSDB), não são vistos na região.