Revogação da Reforma Trabalhista é discutida em Centros Eleitorais e toda a Região Sul

0

A reforma trabalhista deve ser o centro do debate das próximas eleições. Segundo o ex-presidente Lula, ele pretende revogar as mudanças previdenciárias feitas no governo Temer. Confira a entrevista feita pelo programa O De Quinta, apresentado por Luís Eduardo Gomes e Felipe Prestes, com Rafael Grohmann, professor da Unisinos e coordenador do Laboratório de Pesquisa DigiLabour.

A regularização do trabalho por plataforma deve estar no centro do debate nos próximos anos

Segundo Grohmann, a questão da regularização do trabalho por aplicativo deve estar no centro do debate nos próximos anos “A regulação é importante, mas não pode ser pensada como o único, é preciso pensar em fomento de políticas públicas mais amplas”, avalia. “A regulação é importante, mas, quando a gente fala de regulação do trabalho por plataforma, isso envolve desde os entregadores até os trabalhadores das fazendas de cliques. E aí você entra no ponto: como regular o que é fraudulento desde o início? Isso envolve repensar os sindicatos, por exemplo, no Brasil”, complementa.

Pesquisa aponta que a maioria da população paulista apoia a regularização

Uma pesquisa realizada pelo projeto FairWork, coordenada pelo professor, apontou que 87% dos entrevistados no estado de São Paulo são favoráveis à regularização do trabalho em plataforma.

“Sete em cada dez deixariam de usar plataformas que comprovadamente não oferecem condições de trabalho decentes, 87% acham que as plataformas digitais devem ser forçadas a ouvir e negociar com grupos que representam os trabalhadores, mais da metade acham que as plataformas não respeitam as leis trabalhistas vigentes e 82% consideram as greves dos trabalhadores por plataformas justas. Ou seja, o cidadão de São Paulo, se de uma maneira serve como termômetro, é o local onde que a maioria dessas plataformas se localiza, ajuda a mostrar que temos força em termos do que a população anda pensando sobre”, diz.