Carteira Verde e Amarela: programa atenderá 30 milhões de beneficiários do auxílio emergencial

0

Em audiência pública virtual realizada hoje (30), o ministro da Economia, Paulo Guedes, afirmou que a retomada do projeto Carteira Verde e Amarela, uma iniciativa para a geração de vagas de empregos formais, atenderá cerca de 30 milhões de brasileiros que estão recebendo as parcelas do auxílio emergencial. De acordo com o ministro, foram descobertos, através dos pagamentos de R$ 600, 38 milhões de “invisíveis” no Brasil.

“Simplesmente não há registro. Isso vai desde a pessoa humilde, do faxineiro, do vendedor de balas nos sinais de trânsito que a gente encontra, ou encontrava todo dia”, disse Paulo Guedes. O ministro ainda ressaltou que, entre os beneficiários, “8, 9, 10 milhões são realmente muito pobres”. Enquanto os outros 25 a 30 milhões são, em sua maioria, empreendedores e trabalhadores autônomos. O Verde e Amarelo, segundo Guedes, servirá para “dar dignidade a essas pessoas que lutam em defesa da própria vida e de suas famílias”, e que se encontram desassistidas pelo estado.

bolsonaro guedes

O programa Carteira Verde e Amarela pretende flexibilizar direitos trabalhistas para auxiliar na abertura de novas vagas de emprego que serão destinadas a jovens entre 18 e 29 anos. Vale ressaltar que a Medida Provisória nº 905, que criou o programa, já foi editada em novembro do ano passado, porém perdeu a validade em abril deste ano.

Unificação dos programas sociais

Além da retomada do programa Carteira Verde e Amarela, um dos carros-chefes da campanha de Bolsonaro, Paulo Guedes chegou a informar, no dia 09 de junho, que haverá a unificação dos demais programas sociais do governo para a criação do Renda Brasil, outro projeto que deve incluir os beneficiários do auxílio emergencial. O programa de renda mínima ainda está em desenvolvimento, mas tudo indica que será uma espécie de novo Bolsa Família.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

Como saber se alguém está traindo através do WhatsApp Whatsapp: 5 recursos que pode surgir em 2022 Como evitar de espionarem seu celular WhatsApp testa: Pagamentos de criptomoeda nos EUA Whatsapp cria nova funcionalidade para não ocupar espaço no celular